quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Amores...




Quantos tipos de amor vc acha que existem?Eu já deixei de pensar nisso, pois amo tantas coisas e tantas pessoas de maneiras tão distintas e tão maravilhosas.Tem aqueles amores que a gente logo percebe de cara.As afinidades são imensas.Vc fala a mesma linguagem.Se movimenta junto.E um olhar já diz tudo.Não precisa haver nenhuma palavra.Esses amores são espetaculares por que,bom mesmo é ser parceiro de alguém.Estar no mesmo barco,estar na mesma pele.Sem falar na admiração mútua.E esse amor faz uma falta gigantesca quando vai embora.Quando sai de perto.Quando faz outras escolhas.A gente se sente meio sem chão,como se estivesse tomando as decisões erradas,porque durante muito tempo contou com essa pessoa para dizer que estávamos no caminho certo.Então Jonathan? Como vai ser agora sem vc meu amigo?Como vai ser acordar e saber que não posso mais jogar uma bomba no seu lote na Provence?Amigo querido,estou triste pois não será tão divertido vender mais sabonetes que vc.Espero que seja muito feliz nesse novo caminho fora dos campos de lavanda que trilhamos durante 4 anos.Vc já deu certo nessa nova estrada.
E agora me falem sobre aquele amor que a gente só descobre que era grande por que perdeu?Um amor que durante quatro anos foi construido entre tapas e beijos.Um amor que levava no peito a competição e o ciúme.Mas que no fundo queria uma trégua.Um amor tão diferente que só restava brigar para chamar atenção.Querendo ser igual.Um amor que foi descoberto tão tarde...Um amor que pedia conselhos,mas as vezes não o seguia.Um amor que era espontâneo,enquanto o outro era blasé.E nesse choque de personalidades,a grande descoberta é que amores diferentes são os que te impulsionam mais na vida.Então Fanni,como vai ser minha vida sem brigar com vc?Como vai ser minha vida sem dizer que vc é péssimaaaaa?A quem eu vou falar para pegar mais leve? Pra quem eu vou dizer que é para passar menos perfume?Pra quem eu vou tentar explicar o certo e o errado?Como se eu tivesse a mínima idéia...É que vc sempre fazia eu me sentir como se soubesse das coisas.Obrigada...Querida amiga,estou triste,triste por que vc foi embora dos campos de lavanda.Com quem vou brigar agora?Quem vai elogiar meus vestidos da Maria Bonita?Quem vai dizer que sou chique e cheirosa? Não,não posso pensar que vc tb decidiu ir ...
Saudades de vcs meus amigos.A Provence não será mais tão divertida sem vcs dois.Eu ainda não consegui perdoar vcs dois por terem me deixado.